Atendente não tem de mostrar certidão de filho para ter reconhecido direito à estabilidade